Aba 1

Postado em 01 de Outubro de 2019 às 15h15

Palavra do Bispo - outubro de 2019

Diocese (32)Mensagem (18)

CARTA DE MOTIVAÇÃO MISSIONÁRIA ÀS COMUNIDADES
Sobre o Mês Missionário Extraordinário


Batizados e enviados: a Igreja de Cristo em missão no mundo


Saudações, amados irmãos e irmãs em Cristo Jesus, o missionário do Pai!

Manifesto minha enorme alegria em escrever-lhes, nesta ocasião tão especial para a Igreja, que é a celebração do Mês Missionário Extraordinário, convocado pelo Papa Francisco para este mês de outubro. Desejo, assim como Francisco, repropor a toda a Igreja diocesana um “renovado empenho missionário”, convicto de que a missão renova a Igreja, revigora a sua fé e identidade e lhe dá novo entusiasmo e novas motivações.

A missão não é fruto de uma decisão ética, ou de uma simples vontade dos seguidores de Jesus, mas brota do coração de Deus. É ele quem primeiro se transborda e vem ao nosso encontro. Portanto, a missão vem de Deus e é de Deus, e nós somos chamados a ser cooperadores da sua missão no mundo. A missão, por sua vez, brota no coração do ser humano, pelo encontro com a pessoa de Jesus, o missionário do Pai, e deste encontro nasce a identidade fundamental da Igreja: a missão.

Esta missão, enquanto comunidade de discípulos e discípulas, é primeiramente testemunhar a alegria do encontro com a pessoa de Jesus, sendo sinal do Reino definitivo. Daí que a missão não deve ser entendida como uma propaganda, um negócio ou um projeto empresarial de expansão religiosa, mas é a partilha de uma alegria e indicação de um horizonte estupendo.
Ser missionário, portanto, não é um privilégio de alguns entendidos, mas o chamado de todo aquele que pelo batismo é marcado com o dom da fé. Batizado é sinônimo de ser missionário e todo aquele que foi marcado pelo dom do batismo carrega a identidade da missão que nos impele para fora de nós mesmos numa relação próxima com os irmãos e irmãs que gera vida. Ser missionário, portanto, não é em primeiro lugar cumprir com uma tarefa, mas partilhar uma alegria de quem se encontrou com a grande esperança do mundo: Jesus de Nazaré.
Convicto de que a consciência missionária é que transforma a vida da Igreja, desejo convocar todos os batizados e batizadas para um novo impulso missionário em nossa Diocese. Sendo assim, convido-os para, de imediato, somarmos forças na intensa vivência do Mês Missionário Extraordinário, como uma forma de renovar o espírito missionário em nossas comunidades. Quero animar vocês a rezarem em suas comunidades e nas famílias pela missão; organizem grupos para a novena missionária e articulem o gesto concreto do mês missionário que está descrito na página central do jornal.

Como continuidade deste impulso missionário, desejo que em todas as paróquias se fortaleçam e organizem os grupos de articulação da missão (Conselhos Missionários); para isso, nos ajudará muito se dermos impulso à organização dos grupos de Infância e Adolescência Missionária em cada comunidade, onde for possível, para que nossas crianças e adolescentes cresçam na consciência missionária. Igualmente, não descuidemos da oração pelas vocações missionárias.
Por fim, e pensando além de nossa vivência missionária local, carreguemos no coração o desejo concreto da articulação de um projeto missionário além-fronteiras, onde possamos “dar de nossa pobreza” para a realização da missão no mundo. Sonhar com tal projeto é deixar que o Espírito de Deus nos conduza ao seu tempo e para onde ele de nós necessitar, para que leigos e leigas, padres e religiosos possam testemunhar a alegria da fé no mundo.

Que Maria, a primeira missionária, nos anime e nos encoraje nesta missão. Com carinho e afeto, desejo que a bênção de Deus esteja com todos e todas vocês. Não deixemos que nos roubem a força missionária!

Dom Odelir José Magri, MCCJ

Bispo Diocesano
Presidente da Comissão Missionária Nacional

 

Veja também

Em ano jubilar, Encontro das Coordenações pauta 10ª Assembleia Diocesana de Pastoral11/02/19 No último sábado, 09 de fevereiro de 2019, as coordenações diocesanas estiveram em Xanxerê para a primeira atividade comum deste ano: o encontro das coordenações. Nesta edição, o estudo foi assessorado pelo pe. Luciano dos Santos, Assessor Executivo da CNBB Regional Sul 4, que fez apontamentos em vista da 10ª Assembleia Diocesana de Pastoral e......
Secretárias se reúnem em Cunha Porã25/04/18 Nesta terça-feira (25) as paróquias da diocese estavam vazias. O motivo é que em Cunha Porã as secretárias realizaram  a primeira reunião deste ano. Pela manhã o momento foi de esclarecer dúvidas e......
CAMPANHA DA FRATERNIDADE – POR QUE A VIDA?28/02 A Campanha da Fraternidade (CF), nos outros anos, abordava um problema da vida social, ou uma situação da vida humana. Neste ano, trata da própria vida. Somos animados, nesta quaresma, a nos converter ao projeto de Deus, vivendo a vida......

Voltar para Notícias